domingo, 4 de julho de 2010

The Adventures of Priscilla, Queen of the Desert

Simplesmente... extravagante. E isso é perfeito!
Priscilla, A Rainha do Deserto (The Adventures of Priscilla, Queen of the Desert, 1994) é um dos filmes que eu lembro de gostar desde moleque sem saber ao certo porque. Mas com o tempo tu vai crescendo, assistido algumas vezes sem compromisso, outras querendo entender um pouco mais, e outra que tu ta realmente afim de assistir, até que tua ficha cai e tu consegue perceber toda magia de um filme. E issop me aconteceu com Priscilla tardiamente, só depois de comprar o DVD. 
Elas chegaram e, fabulosas, conquistaram a todos. Este filme australiano incrivelmente criativo, visualmente maravilhoso e incomparavelmente divertido conta a história de três drag queens desbravando a vastidão do deserto australiano. Foi o vencedor do Oscar de 1994 de Melhor Figurino. Terence StampHugo Weaving e Guy Pearce presentam todos excelentes e emocionantes interpretações nessa história de três peixes fora dágua, que é considerado "um dos mais irreverentes filmes já reaizados" (The New York Observer)! Com um contrato para realizar um show de drags nos confins do deserto australiano, Bernadette (Stamp), Tick (Weaving) e Adam (Pearce) têm cada um seu motivo pessoal pra querer deixar a segurança de Sydney. Batizando seu rodado ônibus de excursão com o nome de "Priscilla", essas enlouquecidamente divertidas rainhas do drama se dirigem ao deserto... onde suas espetaculares aventuras são ainda mais fantásticas do que os trajes de seu figurino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário